Notícias

16/12/2009

Tombamento do edifício-sede marca os 63 anos do DER-PR

Órgão do governo do Estado. que faz aniversário nesta sexta-feira (18), também lança um livro sobre a história da construção do prédio

No dia em que completa 63 anos de fundação, o Departamento de Estradas de Rodagem (DER) comemora também o tombamento do seu edifício-sede localizado na Avenida Iguaçu n0 420, em Curitiba. O evento acontece nesta sexta-feira (18) às 8h30 na sede do órgão e vai contar com a participação do arquiteto responsável pelo projeto do prédio e ex-diretor-geral do DER, Aírton João “Lolô” Cornelsen.

Inaugurado na década de 60, o edifício, localizado no bairro Rebouças, é um dos prédios públicos expoentes da arquitetura modernista da capital paranaense, ao lado do Centro Cívico, Biblioteca Pública do Paraná e Teatro Guaíra. Atualmente, abriga diretorias e coordenadorias do DER, a Secretaria Estadual dos Transportes e a Estrada de Ferro Paraná Oeste (Ferroeste).

“Foi uma iniciativa de um grupo de funcionários de carreira do DER. Eles propuseram a ideia do tombamento como uma forma de homenagear a história do próprio Departamento”, revelou o secretário dos Transportes, Rogério W. Tizzot.

No evento de aniversário, Tizzot e a secretária da Cultura, Vera Mussi, farão o descerramento da placa comemorativa e assinarão o livro-tombo que registra o prédio como Patrimônio Cultural do Estado do Paraná.

O processo aprovado pelo Conselho Estadual do Patrimônio Histórico e Artístico (Cepha), da Secretaria da Cultura é resultado de oito meses de trabalhos da comissão presidida pela servidora Nelma Helena Guimarães e formada ainda pela historiadora Celia Carneiro, além de Rosa Maria Dacás, Rosana Scaramella e Lauri Dall’Agnolo.

“Foi elaborado um material rico em fotográfias, pesquisas e entrevistas com funcionários aposentados e familiares de funcionários já falecidos. Pessoas que trabalharam ou tiveram uma relação próxima com eles na época da construção do prédio. Deste trabalho, temos ainda registros em vídeo de cada depoimento colhido”, destacou Tizzot.

Entre os depoimentos, estão os dos ex-diretores do Departamento, o arquiteto responsável pelo projeto do prédio, Aírton João Cornelsen; e do engenheiro Saul Raiz, na gestão de quem a obra foi concluída e inaugurada em 1965. Ambos estarão presentes no evento desta sexta.

Também participarão das comemorações o procurador-geral do Estado, Carlos Marés; o presidente da Companhia de Habitação do Paraná (Cohapar), Rafael Greca; o deputado estadual e ex-secretário dos Transportes Waldyr Pugliesi;o superintendente da Administração dos Portos de Paranaguá e Antonina (APPA), Daniel Lúcio Oliveira de Souza; o diretor-presidente da Ferroeste, Samuel Gomes; o presidente da Assembleia Legislativa do Paraná e ex-secretário dos Transportes, deputado Nelson Justus; o conselheiro do Tribunal de Contas e ex-diretor do DER, Heinz Herwig; além de funcionários aposentados e funcionários da ativa.

LIVRO – Ainda como parte das comemorações do aniversário do DER, será lançado o livro “Edifício Oswaldo Pacheco de Lacerda: o Prédio na História do DER”, de autoria da funcionária do Departamento e historiadora Celia Maria Beltrame Trilow.

A publicação de 200 páginas traz fotos, depoimentos e todo o histórico da construção do edifício-sede do órgão em Curitiba até os dias atuais. O trabalho de pesquisa, projeto editorial e texto foi realizado pela própria autora e impulsionado pela concretização do processo de Tombamento Histórico do prédio.
Recomendar esta notícia via e-mail:

Campos com (*) são obrigatórios.