Estado contrata estudo de pavimentação da ligação entre Balsa Nova e Lapa
20/01/2023 - 15:31

O objetivo da contratação é realizar estudos nas rodovias PR-510 e PR-512, que formam o trecho de 18,09 quilômetros de extensão não pavimentado entre as duas localidades.

 

O Departamento de Estradas de Rodagem do Paraná (DER/PR) abriu a licitação para elaboração do anteprojeto de engenharia para pavimentação da ligação entre Balsa Nova e o distrito de Mariental, na Lapa, Região Metropolitana de Curitiba (RMC). O objetivo da contratação é realizar estudos nas rodovias PR-510 e PR-512, que formam o trecho de 18,09 quilômetros de extensão não pavimentado entre as duas localidades.

“Esse é um importante primeiro passo para pavimentar a ligação entre Balsa Nova e Mariental. Com este anteprojeto concluído, poderemos buscar os recursos para fazer a contratação integrada da obra, com elaboração de projetos e execução da obra em uma só empreitada, garantindo mais agilidade e melhor integração entre as equipes envolvidas” afirma o secretário de Infraestrutura e Logística do Paraná, Fernando Furiatti.

Através do anteprojeto, será realizada a contagem de tráfego, levantamentos topográficos, sondagens geotécnicas, ensaios de campo, entre outros projetos, como terraplanagem, iluminação e paisagismo.

As PR-510 e PR-512 formam um importante elo de ligação para as comunidades locais entre os municípios de Balsa Nova e Lapa. O trecho é denominado como “Rodovia da Maçã”, devido ao grande fluxo de escoamento da produção das macieiras, que vai beneficiar os produtores do fruto da região. A agricultura no local também é forte em soja e feijão.

A pavimentação do trecho irá facilitar a ligação com Campo Largo, também na RMC, e o acesso ao Hospital do Rocio, referência nos atendimentos de alta complexidade. Durante elaboração dos estudos, serão feitos acompanhamentos, relatórios e reuniões no DER/PR para discutir as soluções técnicas do projeto. O prazo para execução do anteprojeto será de seis meses.

“Vamos trazer mais conforto e segurança aos moradores dos lotes lindeiros desses dois trechos com o novo pavimento, e vamos estudar as melhores soluções para o entroncamento da PR-512 com a BR-376, atualmente com visibilidade inadequada para o acesso e a saída de veículos”, explica o diretor-geral do DER/PR, Alexandre Castro Fernandes.

A licitação do estudo será realizada por Pregão Eletrônico no dia 31 de janeiro. Neste modelo, os participantes disputam entre si, com ofertas de preço cada vez menores, até um deles ser declarada arrematante. O valor máximo para propostas é de R$ 1.073.456,41.

 

GALERIA DE IMAGENS